domingo, 19 de março de 2017

Loucura


Loucura


Quantos movimentos
me levam a loucura:
Os de suas mãos,
dos teus quadris
e os teus lábios nos meus...


Francis Perot

15 comentários:

  1. Visite meu blog erótico, deixe seu comentário. Estou seguindo seu blog

    ResponderExcluir
  2. Olá amigo, td bem? O desejo e a paixão nos levam a loucuras deliciosas!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. São os gestos de carícias que nos levam a altas temperaturas, nos envolvendo no amor e prazer...te amo...

    ResponderExcluir
  4. Oi Francis,
    Os carinhos e os toques têm que ser rápidos, pois o desejo não espera
    Minicontista2

    ResponderExcluir
  5. O amor nos estimula a estas deliciosas loucuras
    Um abraço Francis

    ResponderExcluir
  6. Boa noite, Francis.
    Tudo é muito lindo, principalmente quando existe amor.
    Tudo de bom.
    Beijos na alma.

    ResponderExcluir
  7. O amor é a loucura mais gostosa que cometemos.Onde há amor não pode haver marasmo!
    Desejo ótima semana!
    Saudações poéticas.

    ResponderExcluir
  8. O amor é loucura sã.

    Tudo de bom!

    ResponderExcluir
  9. Caro Francisamigo

    Estou de volta para de novo apreciar o que tão bem escreves. Mas, por favor, lê o seguinte

    Em Goa onde passei (ámos) três meses de “férias”(?????) as coisas não correram muito bem, antes pelo contrário; uns problemas de saúde (meus) - ainda que bastante graves (Ver abaixo sff) - deram origem a situação pouco feliz - que ainda persiste, mas que vai melhorando dia a dia. Irei escrevendo quando tiver a cabeça mais arrumada...
    Além disso no local não havia ligação Internet...


    ******

    1 de Abril - Parece-me que vou melhorando da recaída que tive da depressão bipolar - com ela terei de viver até ao forno crematório, pois é doença incurável.

    Vou pois andando devagarinho (sempre são 75 aninhos...) e um destes dias volto a publicar umas linhas. Aproveito para agradecer a todas/os que me acompanharam nestes momentos menos fáceis e sobretudo à Grande Mulher, a minha querida Raquel, que me amparou, cuidou de mim, amou como sempre, enfim teve a paciência de me aturar...


    Da “viagem” nem vale a pena contar, apenas registo o pior: 29:30 de Dabolim (o aeroporto de Goa) até ao aeroporto General Humberto Delgado, com paragens em tudo que era sítio, incluindo nove horas e meia de espera no aeroporto de Mumbai (antiga Bombaim…). Estavam previstas cinco horas e meia…
    A Jet Airways – uma desgraça. Comida - péssima, atendimento - mau, tripulantes de cabina – trombudos. Em Paris (tínhamos pedido assistência pois continuo a ter dificuldades em andar, uma para mim, outra para a Raquel para ela me poder acompanhar nos “quilómetros” de corredores do aeroporto) – não havia cadeiras de rodas suficientes e fartei-me de protestar; enfim veio uma – para mim – mas a Raquel, que, como antes disse, também tinha reservado outra, teve de palmilhar que nem uma marchista... (de marcha, desporto, disciplina olímpica...) E, nos próprios bilhetes estava tudo mencionado, reforçado com as comunicações feitas pela agência de viagens TopTours (impecável) Enfim uma puta de uma viagem; não torno (amos) a cair noutra...




    Qjs & abçs

    Henrique, o Leãozão



    ResponderExcluir
  10. Que seria de nossas vidas... sem a loucura do amor?...
    Uma realidade bem vazia, decerto!...
    Adorei a sensualidade e arrebatamento do poema!
    Abraço! Boa semana, e um excelente mês de Abril!
    Ana

    ResponderExcluir
  11. Loucuras oriundas dos movimentos da dança sensual do amor é puro êxtase, abraços!

    ResponderExcluir
  12. Oi Francis,
    Todos esses movimentos nos levam a loucura
    Porém precisamos ter um parceiro (a) que amamos com paixão
    Beijo no coração
    Lua Singular

    ResponderExcluir

Meus amigos e visitantes, obrigado pela visita, se quiserem comentar ficarei muito feliz em ler e visitarei também cada um de vocês!

O amor é o estado propenso,
a afetos duradouros
e responsáveis...
Disposição do espírito que
induz uma pessoa a outra,
a dedicar através
do sentimento, carinho


Francis Perot