quarta-feira, 27 de abril de 2016

DELÍRIO - FRANCIS PEROT


Delírio


Quando me tocas
não me controlo
sinto um forte desejo
vencer a razão
Meu sangue ferver
Meu corpo estremecer
Loucura que consegue me vencer
É o amor, que explode no coração.

Quando me tocas
ouço teu sussurrar
em meus ouvidos
os quais me fazem delirar
Minha mente viajar
Esse sentimento na pele aflorado
Que gosto de pensar
Nestas tantas formas de te amar...


Francis Perot