terça-feira, 24 de maio de 2016

NO VÉU DA NOITE - FRANCIS PEROT




No véu da noite


No véu incolor da noite
Na manifestação de sua força
Viajo o passado, presente e futuro
Pois é superior quem contorça...

Na exuberância da vida
Onde resido num intervalo
Crendo na crença incompreendida
È nesta fé que me embalo...

Conheço o longe e o perto
Sem precisar me distanciar
Em tempo e fora do tempo
A terra segue a se reinventar...


Francis Perot


7 comentários:

  1. Conheço o longe e o perto
    Sem precisar me distanciar
    Em tempo e fora do tempo
    A terra segue a se reinventar... esse amor cantado, vivido, sentido o que mais pode se dizer de tão belos versos...Parabéns poeta, amei...te amo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Decifrar sua forma física é o mesmo que querer entender um pouquinho de você dentro de um universo que só o nosso amor pode entender... Francis Perot

      Excluir
  2. Tienes un blog muy bonito, lleno de poesías repletas de sensualidad.
    Un saludo
    Puri

    ResponderExcluir
  3. Mais um momento de pura inspiração!...
    Belíssimo poema!
    Abraço!
    Ana

    ResponderExcluir
  4. El cuerpo tiene sus misterios. Asirlo no es fácil, nio en el amor, ni en la cinética de las artes escénicas.Perop siempre será bello, para capturar sus fugacidades. ESte poema, me hace memorar un o de Cavafis, que se llama cuerpo. UN abrazo. Carlos

    ResponderExcluir
  5. Oi Francis,
    Você é um homem sortudo, além de fazer belas poesias, enobrece sua musa
    Adorei
    Beijos
    Minicontista2

    ResponderExcluir

Meus amigos e visitantes, obrigado pela visita, se quiserem comentar ficarei muito feliz em ler e visitarei também cada um de vocês!

O amor é o estado propenso,
a afetos duradouros
e responsáveis...
Disposição do espírito que
induz uma pessoa a outra,
a dedicar através
do sentimento, carinho


Francis Perot