quarta-feira, 27 de abril de 2016

DELÍRIO - FRANCIS PEROT


Delírio


Quando me tocas
não me controlo
sinto um forte desejo
vencer a razão
Meu sangue ferver
Meu corpo estremecer
Loucura que consegue me vencer
É o amor, que explode no coração.

Quando me tocas
ouço teu sussurrar
em meus ouvidos
os quais me fazem delirar
Minha mente viajar
Esse sentimento na pele aflorado
Que gosto de pensar
Nestas tantas formas de te amar...


Francis Perot

16 comentários:

  1. Amar y ser amado, es lo más bello del mundo, el amor nos cura todos los males y nos proporciona la felicidad.
    Lo malo es que también es delicado frágil, es como un cristal fino que si no tratas con esmero, se rompe, sobretodo con el tiempo. Nada es para siempre, mas aprovecharlo mientras dura, es necesario.

    Un besito, y se feliz.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. intenso!

    juliamodelodemodelo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Obrigado pelo carinho daqueles que me visitam. Uma bela noite a todos

    ResponderExcluir
  5. Quando se ama de verdade...a paixão aflora naturalmente!
    Obrigada pela visita e gostei

    ResponderExcluir
  6. Quando se ama de verdade...a paixão aflora naturalmente!
    Obrigada pela visita e gostei

    ResponderExcluir
  7. Gracias por tu seguimiento, también te sigo.
    Muy bellos estos versos de amor.
    Un abrazo.
    Ambar

    ResponderExcluir
  8. Um amor que explode em sentido, no coração é assim e o amor verdadeiro leva sempre os pares a se desejarem de forma intensa, chegando mesmo ao delírio...parabéns lindo sensual...Te amo

    ResponderExcluir
  9. O amor e suas variantes... lindo o seu poema, na forma mais apaixonante e sensual... Beijos e obrigada pelo carinho no Solidão de Alma

    ResponderExcluir
  10. Muy sensual y amoroso tu poema, encantado de conocer tu blog.

    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  11. Parabéns pelo poema, é sensual e muito bem escrito.
    Bom resto de semana.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  12. Um grande abraço a todos e obrigado pela visita.

    ResponderExcluir
  13. Uma vez mais, muitos parabéns, pela poema e inspiração!
    Um dos meus favoritos, por aqui...
    Abraço!
    Ana

    ResponderExcluir
  14. Oi Francis
    Adorei a sua poesia sensual
    Beijos no coração
    Minicontista2

    ResponderExcluir

Meus amigos e visitantes, obrigado pela visita, se quiserem comentar ficarei muito feliz em ler e visitarei também cada um de vocês!

O amor é o estado propenso,
a afetos duradouros
e responsáveis...
Disposição do espírito que
induz uma pessoa a outra,
a dedicar através
do sentimento, carinho


Francis Perot