segunda-feira, 23 de março de 2015

LOBA - FRANCIS PEROT

Francis Perot


Insaciável Loba


Bela mulher que bebe a inocência dos meus olhos
deixando-os cegos da pureza que um dia eu tinha
hoje o que vejo, sinto e quero chama apenas você...

Seu uivo na calada da madrugada me enlouquece
ao sentir a sua entrega qual vampira que me suga
sinto todo o prazer, nessa explosão que acontece...

Insaciável loba, sem rumo passeio pelo o seu corpo
Perdido em sonhos e nas nossas fantasias sensuais
Quero sempre mais dessa loucura que me aquece...


Francis Perot