quinta-feira, 31 de outubro de 2013

O alvorecer de Anita


O ALVORECER DE ANITA



O manto da escuridão
da terra se foi.
Uma luz,
tal qual o sol brilhou.
E quando o manto
da escuridão voltar?
Ainda será:
Tal qual a lua
em noite escura.
Porque na transitoriedade
das trevas e a luz
você é no amanhecer:
A alva do dia.
E no entardecer:
O pôr-do-sol.
E no outro dia
quando alvorecer.
Você será:
Uma estrela...






Um comentário:

  1. Profunda sua poesia meu poeta, como não gostar de algo tão lindo e sensível...parabéns amei...beijos meus

    ResponderExcluir

Meus amigos e visitantes, obrigado pela visita, se quiserem comentar ficarei muito feliz em ler e visitarei também cada um de vocês!

O amor é o estado propenso,
a afetos duradouros
e responsáveis...
Disposição do espírito que
induz uma pessoa a outra,
a dedicar através
do sentimento, carinho


Francis Perot