domingo, 5 de maio de 2013

O VAMPIRO PREDADOR


O Vampiro predador


Chegou a hora de dormir
O calor escaldante, trepidante
Bateu a porta de minha casa
Um ser indesejável e sem escrúpulos:
_Não atendi
_Aquilo era hora de me perturbar?
A porta então não abri...

O sono que não chegava,
e o perturbador continuava
A noite era quente e de lua cheia
Na pele o suor que mareia
Novamente aquele impertinente
Insignificante ser rompe o silêncio:
_Apenas o ouço
_Ele conseguiu em casa entrar.

Não demorou muito no quarto chegar
Apavorei e me amedrontei
Tentei gritar pedir socorro
Mas a minha voz não saiu
Estava ali na minha frente
O impertinente ser das trevas
e que logo o meu sangue vai sugar
e por azar, até me infectar.
_ Parasita da malária
_ Vírus da febre amarela
_Vírus da dengue

No escuro detectei o meu inimigo
Por seu zumbido sustenido
Chegou ao meu ouvido
Ele me tocou, minha pele sangrou...
_Vi quem era
E em meu pensamento sádico
Levantei, jurei vou me vingar
E sem pestanejar consegui
O pernilongo esmagar...


Dueto: Poetas Francis Perot e Anjopoesia


7 comentários:

  1. Ah, como é difícil livramo=-nos deles! rsrsrs... bom poema!

    ResponderExcluir
  2. Vampiros y Pesadillas que nos hacen caminar por hilos de fina textura.
    Preciosa Entrada.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Eu amei o texto, mas tudo aqui é magico.

    Estou sem muito tempo para visitar vc, pois como sou Historiadora Antropologa este inicio de ano é um pouco corrido.

    Mas deixo aqui o meu carinho por vc.

    bjs

    Selma

    http://3fasesdalua.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Parabéns poeta pela bela poesia que serve também pra um alerta a todos...adorei escrever contigo essa poesia...amo-te...parabéns...

    ResponderExcluir
  5. Ainda é Dia Das Mães..
    Às vezes, você se aborrece
    Porque ainda sou criancinha
    E sempre deixo marcas de dedos
    Nos móveis da casa inteirinha.
    Mas estou crescendo dia a dia
    E logo adulto vou ser
    E essas marcas de dedos
    Vão todas desaparecer.
    Agora deixo uma marca bem especial
    Pra você nunca esquecer
    Como eram meus dedinhos
    Antes de eu crescer.
    Agora somos adultos a saudade
    que sentimos já é nossa dos nossos
    pequeninos já adultos também.
    Feliz Dia Das Mães com muito carinho.
    Ser mãe de verdade é ser amiga
    dos filhos é ser seu porto seguro.
    Cabe a nós mães ser exemplo
    ser espelho onde nossos filhos possa
    contemplar e refletir passado e futuro
    com muito amor e fé acima de tudo.
    Mãe :fale do amor de Deus para seus filhos
    só assim eles terão orgulho de chamar te de (Mãe)
    Feliz Dia das mães carinhosamente, Evanir.
    Tem mimo na postagem fique a vontade para levar de lembrança.

    ResponderExcluir
  6. Bom dia meu poeta, nessa quarta feira...beijos mil...

    ResponderExcluir
  7. Gostei do poema. Desejo que o poeta esteja bem.
    Bom fim de semana.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderExcluir

Meus amigos e visitantes, obrigado pela visita, se quiserem comentar ficarei muito feliz em ler e visitarei também cada um de vocês!

O amor é o estado propenso,
a afetos duradouros
e responsáveis...
Disposição do espírito que
induz uma pessoa a outra,
a dedicar através
do sentimento, carinho


Francis Perot