domingo, 29 de dezembro de 2013

FELIZ ANO NOVO


Feliz Ano Novo


Felicidade é o que desejo
E neste manejo festejo a
Liberdade acompanhada
Impermeabiliza a estrada
Zeladora da paz que almejo...

Ano Novo canto aos ventos
Novidade que no pensamento
Oferece aos anjos agradecimentos...

Novo sempre será nos estros
O ontem na retrospectiva estará
Vivo a levar para o futuro a história
O currículo de cada um nos versos…


Francis Perot


sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Em teu olhar




Em teu olhar
encontrei
a chama
da Paixão,
e no mar
que  deságuas
da sua boca
me afoguei...


Francis Perot


segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Sócios do amor



Sócios do amor


O amor tem
como sócios,
a esperança,
a felicidade,
a temperança,
desejo
e paixão.
Tudo que a vida
precisa para
ofertar-nos
momentos de paz,
alegria
e um pouco
de reflexão...



Francis Perot

sábado, 21 de dezembro de 2013

Minha sensual musa

Minha sensual musa


A minha sensual musa é:
A poetisa,
amável,
celestial
e eloquente.
Ela é a mais bela flor
do meu jardim.
Minha musa inspiradora
é meu mar,
meu sol
e minha lua.
Professora de amor:
Fraternal,
natural
e sexual.
Ela é quente,
ardente
e envolvente.
A deusa do amor...


Francis Perot


quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Medo das trevas

Quantos têm medo
da escuridão
ou das trevas,
mas tudo
o que Deus fez
foi bom...


Francis Perot

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Meu mar meu céu


Meu mar meu céu


Um momento
arrebatador
que a natureza
gratuitamente
batiza-me.
Inspirando com
um ar puro
os pulmões
e a alma
com as mais belas
expressões poéticas...



Francis Perot

sábado, 14 de dezembro de 2013

FLOR DO CAMPO


Flor-do-Campo


Tal qual as flores do campo,
de folhas diversamente coloridas,
livres, entre si,
distintas,
belas,
encantadoras,
formosas,
que desabrocham para a vida,
assim é você...
Cada pétala que constitui
as corolas das flores,
são como se fosse
cada detalhe da sua beleza.
Beleza explícita na alma,
no corpo,
e no espírito...
Flor do campo:
Ë assim que eu a represento.
Talvez perguntem:
Por que será que á represento
como uma flor do campo?
É que as flores são consideradas
plantas superiores,
e a do campo embora solitária,
suas flores,
são puras e verdadeiras,
e não precisam de cultivo
para desabrocharem.



Poeta Francis Perot

quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Metida entre livros



Metida entre livros


Mais educação ai com ela
Enquanto estuda você a lição
Trabalhe a leitura com os olhos
Impondo no futuro as mãos
Determine o que realmente quer
Assumindo cada dia esta ação...

Entre tantas coisas na vida
Nomear-se a maior delas
Trata-se de especial comida
Reconhecida, pois entre elas
Encanta, reconhece e duvida...

Livros apreciativos e gostosos de ler
Implica com imaginação a sua lida
Vida dentro leitura voltada ao prazer
Refinanciando a vida incompreendida
O impossível descortinado ao que crer
Senhora sabedoria recém-nascida...



Francis Perot

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Ardida feito uma pimenta

Ardida feito uma pimenta


Meu alívio que arde
e que ao degusta-la
o seu sabor picante
me leva ao êxtase.
Ao prazer eletrizante
amenizando as minhas
sensações e dores
provocadas no dia a dia.
Provocante moça que
libera a capsaicina
para o meu bem estar.
Menina a tua
vestimenta sensual
me leva quase a loucura
me deixando
cada vez mais louco
de vontade
e de novamente prova-la.
Tu fazes bem a saúde...


Francis Perot

sábado, 30 de novembro de 2013

Dark-darling


Dark-darling


Minha sensual, e querida vampira
Antes que o dia chegue com seus
Raios ardentes em chamas claras,
Imensas e nos queime na furia do
Santuário das nossas emoções,
Amar-nos-emos por toda manhã...

Esse amor, lindo, belo, encontrado
Dançaremos ele pelas madrugadas
Desta gigante selva fria de pedra...
Só nós dois minha querida vamp...


Francis Perot

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

A arte de amar


A arte de amar


É pura poesia contemplar
em sua camisola transparente.
Minha mente viaja,
pela geografia
do teu corpo,
num universo
ardente de desejos,
tal qual um poeta,
na construção
de um verso.
Assim descubro
entre pontos e vírgulas
as palavras,
as quais juntas aos toques,
afloram entre respirações
ofegantes e gemidos
o nosso gozo...


Francis Perot  28/11/2013


sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Minha arte


Minha arte


A arte do
poeta está em
trabalhar as
palavras
ainda
que simples,
mas a arte
do meu
coração
é te amar...


Francis Perot

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Minha arte

Minha arte


A arte do poeta está em trabalhar as palavras ainda que simples, 
mas a arte do meu coração é te amar...


Francis Perot

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

O alvorecer de Anita


O ALVORECER DE ANITA



O manto da escuridão
da terra se foi.
Uma luz,
tal qual o sol brilhou.
E quando o manto
da escuridão voltar?
Ainda será:
Tal qual a lua
em noite escura.
Porque na transitoriedade
das trevas e a luz
você é no amanhecer:
A alva do dia.
E no entardecer:
O pôr-do-sol.
E no outro dia
quando alvorecer.
Você será:
Uma estrela...






quinta-feira, 17 de outubro de 2013

O AMOR


O amor



Não se pode formar
a estrutura do amor
apenas em palavras,
mas tal qual
o verbo amar
que precisa da
vogal temática
para unir a desinência,
assim o amor
integra-se ao predicado
daquilo que você diz ser…




sexta-feira, 27 de setembro de 2013

BUD: O Yorkshire malandro (CORDEL)


BUD: O Yorkshire malandro

1
Quero contar uma história
De um cachorro orgulhoso
Atrevido e encrenqueiro
E também muito vaidoso
Mas falando de comida
O bicho é bastante guloso...

2
Bud aos dezessete anos
Está vendendo saúde
Ele só quer comer carne
A razão de sua juventude
E continua aprontando
Esbanjando muita virtude...

6
Para falar a verdade
Das façanhas deste animal
Que já rendeu preocupação
Uma delas deu até hospital
Uma Pitbull o quase matou
Com uma mordida mortal...

7
Bud teve o seu coração
Arrancado numa mordida
Ficando estendido ao chão
Ele estava quase sem vida
Tiveram que reanima-lo
Assim curaram a sua ferida...

8
Depois que o bicho sarou
Tratou logo em se vingar
Num descuido de sua dona
Partiu para a Pitbull atacar
Rolaram no chão as duas feras
Querendo uma a outra matar...

15
Um recado aos donos de cães
Nunca os deixem na velhice
Isso demonstra falta de caráter
Respeito e sem-vergonhice
Pessoas que fazem tais coisas
São amigos ainda da cretinice...

16
Bud é um velhinho safado
E não esquece um segundo
De comer carne e aprontar
Nisso ele ainda vai fundo
Nas bagunças e safadices
Das quais ele é oriundo...


Francis Perot

domingo, 22 de setembro de 2013

Minha diabinha


Minha diabinha


Esperta e teimosa
Minha esposinha
Avassaladora mulher,
Arrebatadora de coração.

Gosto de fazer tudo
o que minha diabinha
gosta para dar-lhe prazer...

Ah diabinha...

O seu inferno é meu paraíso.
Pra uns você é uma doce anjinha.
Pra mim uma ardente capetinha...
Voz sexy de uma gostosa bruxinha...


Poeta Francis Perot

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Você é maior que o sol


Você é maior que o sol




Na vida existe
quantas possibilidades
de você encontrar-se
com a felicidade
ou a tristeza?
Como a vida
é feita de momentos
tristes
e alegres,
 depende de como você
faz sua escolha.
Todas as coisas
que quero fazer,
sou eu.
Assim somos
testemunhas
de um fim
ou um novo
começo.
As possibilidades
para ser feliz
ou triste,
são infinitas.
Depende do que você
vai atrair para você mesma.
É como o sol que jamais
deixa de brilhar
ainda que
seja a sua luz ofuscada
por densas nuvens,
mas ele está lá em cima!
Sempre.
Porque  a sua possibilidade
de brilhar é infinita,
mesmo que seja por cima
das nuvens.
Assim como a sua...
Você é maior
que o sol
porque é você quem faz
suas escolhas...


Francis Perot


sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Sexta feira 13


Sexta feira treze


Sexta feira treze de dois mil e treze. Sorte, medo ou azar?
Eu sei o que vocês fizeram na sexta feira treze passada.
Xenofobia, principalmente de estranhos do além aqui.
Tantas raízes tradicionais e culturais de nosso planeta
Aliadas a mitologia nórdica e outras tendências de arrepiar...

Filemafobia! Não sei como tem gente que consegue
Entenda uma coisa... Hoje é sexta feira treze...
Internefobia, eu sei o que vocês fizeram na internet
Recorde do ocorrido em uma sexta-feira 13 de 1306
A morte e  medo associado a esse dia tenebroso...

Triscaidecafobia às vezes um tanto irracional
Realmente cada pessoa tem um tipo de medo
E o seu qual será? A política brasileira?
Zelo não há na educação, saúde e segurança.
Eleuterofobia? Aqui eles tem medo da liberdade...


Francis Perot


quinta-feira, 12 de setembro de 2013

SANTA VAIDADE


Santa Vaidade


Santa Vaidade a crescente novidade
Aliada a um novo visual presente
Nascente, crescente, transparente.
Tendência de um universo sensual
Amiga amante da santa arte vaidade

Vivida vida com prazer
Amante do nosso querer
Intensa vaidade por merecer
Dádiva que ao resplandecer
Assedia os meus olhos ao renascer
Dedicada beleza ao amanhecer,
Entardecer e ao anoitecer...


Francis Perot

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Sou o teu prazer

Sou o teu prazer


Minhas mãos macias
levo-as levemente
Passeando-as
pelo teu corpo
em direção a
sua boca quente...
Sou os teus
sonhos presentes,
que todas as noites
à deixa desabrigada
de tuas vestes íntimas...
Assim o teu corpo nu
se assanha em
obscenos atos que
me levam a loucura...
A doçura de sua
boca quente,
escorre no
meu ser
ardentes chamas,
que a minha
alma insana
não procura entender,
se é certo ou errado
esse nosso querer.
Enquanto você
me possui
em sua enorme
fome, sede
recebo os teus carinhos
com enorme prazer...


Poeta Francis Perot