terça-feira, 18 de setembro de 2012

Encantada mulher Francis Perot



Encantada mulher


Encantada mulher a tua inocência,
Nada em mim á aflorar o teu desejo,
Causando-me no pulsar das veias,
Aquela sensação gostosa, calorosa
Num ritual de imenso gostoso prazer.
Todo seu e você mulher toda minha
Assim te amo doce mágica da vida.
Degustando tal qual uma comida
Ardente, mulher a flor da pele...

Mulher gostosa, os teus desejos
Uniram-me ao teu corpo no prazer
Libere em mim os teus devaneios,
Hoje, amanhã e por todo o sempre
Em orgasmos êxtase do nosso tesão
Rendo-me aos teus longos beijos...


Poeta Francis Perot