quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

VENENO MORTAL - FRANCIS PEROT

Veneno mortal


Venusta garota veneno
Em apenas alguns minutos
Nume minha alma de prazer
Enquanto me encontro
No riacho do seu querer
Ocioso, em teu carnifazer...

Menina, moça, mulher
Onde, e como você quer
Rendo-me aos encantos
Terno dessa louca paixão
Antes que o teu veneno
Lento, chegue ao coração...


Poeta Francis Perot