domingo, 21 de outubro de 2012

Canaã dos Carajás PA




Canaã dos Carajás PA


Canaã terra que mana leite e mel
Antes prometida ao povo de Deus
Na antiga Cedere não foi diferente
A promessa foi mais uma vez cumprida
Ao povo trabalhador do estado do Pará...

Deus com o prometido nunca faltou
Os fies salmos em louvor a Ele cantou
Seu santo Nome glorificou...

Canaã dos Carajás tem a sua luz
A proteção que o seu povo merece
Rios de águas vivas e ricos mananciais
Ancoram nos corações dos canaenses
Jamais, quem viveu essa experiência
Acredita e de Deus nunca se esquece.
Sou Canaã dos Carajás sou Pará...


Poeta Francis Perot

7 comentários:

  1. Que belo meu amigo...Gostei muito ...Suas palavras muito bem montadas ...e muito verdadeiras ...Fico feliz que alguém sempre lembre do querido PARÁ ...que terra maravilhosa ...Cheia de surpresas fantásticas Um grande Abraço Pedro Pugliese

    ResponderExcluir
  2. *** Un bisou en passant chez toi en ce lundi matin !!! :o) Je te souhaite une belle semaine !!! GROS BISOUS !!!! ***

    ResponderExcluir
  3. O Pará é um estado fascinante. Agradeço de coração aos comentários.

    ResponderExcluir
  4. Estoy teniendo bastantes problemas con bloguer para ver las Entradas actualizadas. Sólo puedo acceder a vuestros espacios a través de los comentarios que me hacéis...¡¡¡Un rollo!!!
    Magnífica Entrada.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir
  5. Oi Francis!
    Não tive o prazer de conhecer o Pará
    mas adoro seu gênero de escrever,suas belas composição em Acróstico.

    bjos

    ResponderExcluir
  6. Obrigada por ter gostado já estou vendo o selinho aqui,
    agradeço pelo seu carinho!!!
    Fique com Deus!!!!
    Ione Viana

    ResponderExcluir
  7. Una ciudad retratada en versos !! besos

    ResponderExcluir

Meus amigos e visitantes, obrigado pela visita, se quiserem comentar ficarei muito feliz em ler e visitarei também cada um de vocês!

O amor é o estado propenso,
a afetos duradouros
e responsáveis...
Disposição do espírito que
induz uma pessoa a outra,
a dedicar através
do sentimento, carinho


Francis Perot